31.3.12

Futsal: vitoria por 4-2 (Lipa determinante)

Com a ajuda da quinta falta do Mogadouro, o Rio Ave deu a volta a um dois-dois que se manteve durante muito tempo. Lipa acabou por ser o homem do jogo, com dois golos, ainda por cima decisivos. Vitória justa mas muito sofrida, perante um adversário que surpreendeu pela qualidade e pelo lugar (mau) que ocupa. O jogo acabou por ser parecido com o sábado passado: demos a volta com muito querer e garra, que compensaram outras debilidades.

Futsal: empate ao intervalo

Surpresa no Pavilhão: o Mogadouro marcou primeiro e só empatamos no ultimo minuto. Pelo caminhoa ficaram três bolas na Madeira da baliza do adversário. Azar portanto. Mas também alguma inércia da nossa parte. Entramos no jogo um pouco adormecidos e à espera que a bola entrasse. Camarão faz muita falta e há vários jogadores em quebra de forma. Só a entrada de Renato Pontes deu vivacidade ao coletivo.

1993/94 - Saudades

Do nosso amigo e colaborador Rui Manuel:
De pé da esquerda para direita: Jorge Silva, Falica, Valério, Farrajota, Carlos Brito, Zé da Rocha
Em baixo: Resende, Gabriel, Gamboa, Clint, Gama
Jogadores
Jogos
Minutos
Golos
Jorge Silva G.R.
33
2970
-21
Valério D.C.
33
2957
1
Carlos Brito D.C.
31
2790
1
Gabriel D.D.
31
2764
4
Falica  M.
31
2589
1
Gamboa E.E.
31
2516
5
Resende D.E.
29
2440
2
Zé da Rocha M.
27
2344
2
Toni P.L.
28
2281
15
Camberra  M.
26
2212

Gama E.D.
33
2185
6
Maboang ( Pele) M.
27
1854
2
Clint  E.D.
33
1763
4
Carvalho  M.
12
574

Rifa  D.E.
6
508
1
Farrajota  D.C.
5
416

Quim  M.
14
276

José Manuel  D.E.
1
90

Filevski  G.R.
1
90
-2
Eusébio   M.
2
23

Treinador:
José Rachão
Quinito





Uma frase curiosa de Brito

Ainda na conferência de imprensa de ontem: « Estamos bem encaminhados para ter um bom resultado frente ao Nacional».

30.3.12

E um dia bom nosso?

«Um dia bom do Nacional até é complicado para os grandes»

Ps - não concordo com Brito quando diz que «Espero um Rio Ave ao nível do Rio Ave do que tem feito nos últimos quatro jogos. Tivemos duas vitórias e dois empates [correção: duas derrotas], mas merecíamos muito mais do que conquistamos». Nesses quatro jogos, talvez com a exceção do Setúbal, apanhámos adversários fraquinhos, que pouca luta deram. Um Rio Ave ao nível dessas quatro jornadas frente a um bom Nacional vai ter sérias dificuldades. Por isso espero um Rio Ave igual a que jogou com o Sporting ou em Guimarães, por exemplo

(Nacional, convocados): André Dias e Pateiro dentro; Jeferson e Jorginho fora

Brito vai levar 19 amanhã para a Madeira:
Guarda-redes: Huanderson e Paulo Santos
Defesas: Gaspar, Jean Sony, Tiago Pinto, André Dias e Éder Monteiro.
Médios: Tarantini, Vitor Gomes, Braga, Bruno China, André Vilas Boas e Pateiro.
Avançados: Kelvin, João Tomás, Mendes, Christian Atsu, Anselmo e Yazalde

Principais notas:
- Zé Gomes fica e entra André Dias (um prémio para o jovem defesa?);
- Pateiro regressa por troca com Jorginho;
- Jeferson continua sem ser convocado, depois da longa paragem *, juntando-se a Wires, Rafa e Faria (utentes do centro médico do Clube);

(Jeferson lesionou-se no jogo de Braga, no dia 22 de Janeiro; voltou a treinar sem limitações a 6 de Março; quase dois meses, portanto; com este será o nono jogo seguido que falha)

Juniores: vitória no Bessa amanhã?

Depois da sensacional vitória frente ao Leixões, o que se pode pedir aos juniores do Rio Ave amanhã (15h, Bessa)? Que vençam o Boavista!
Estou a contar com isso.

Kelvin apto - e depois?

Primeiro: ninguém estará mais desiludido do que o próprio jogador; e todos temos de respeitar isso;
Mas ele aceitará que os adeptos também estejam desiludidos com o que tem sido esta época.
Esperávamos muito mais dele, apesar de ser muito jovem.
Fez oito jogos a titular e 17 no total; apenas em quatro esteve bem e apenas num foi decisivo. É pouco, reconheçamos.
O facto de ter sido o 19º na semana passada culmina, penso, este processo de perda de influência
Por isso, quando agora se lê que está apto para o jogo de amanhã quase ficamos indiferentes; noutras circunstâncias, seria uma boa notícia para a equipa; assim provavelmente será apenas para ele próprio. Mas quem me dera enganar-me!

PS - vale o que vale, mas a entrada "Kelvin" no nosso blogue tem apenas 23 entradas; Atsu tem 30

Porque apoio a equipa de futsal

- porque é uma equipa do Rio Ave;
- porque gosto muito da modalidade e é um espetáculo excelente;
- porque eles merecem o nosso apoio; é verdade que nem sempre as coisas correram bem esta época, mas do que vi, com uma expeção, lutaram o máximo para alcançar os objetivos. Como ganhar sempre não é possível, o que se pode pedir aos nossos jogadores, de todas as equipas, é que lutem até ao último minuto.
Os do futsal têm feito isso, sem margem para dúvidas.
Além disso, estão em primeiro lugar!

Raul Moreira ao Reis do Ave (3): «queremos e merecemos subir o mais rápido possível»

Terceira e última das três perguntas que fizemos a Raúl Moreira, treinador da equipa de futsal:

3) Como perspetivas as ultimas cinco jornadas?
R.: Perspectivo um fim de época extremamente difícil e com uma carga emocional grande, pois queremos e merecemos subir o mais rápido possível.
Na minha opinião, os quatro fatores para mantermos o sucesso serão:
· Entrar em todos os jogos com máxima concentração e rigor absoluto.
· Estarmos confiantes e tranquilos pensando na vitória jogo a jogo, pois estamos numa posição que todas as outras equipas invejam.
· Seriedade e concentração no desempenho das tarefas, acreditando inequivocamente no trabalho realizado até á data, pois este mesmo trabalho tem nos dado regularidade e equilíbrio, demonstrada pela classificação.
· Sermos nós próprios, com caracter, atitude e determinação mantendo sempre a identidade que nos distingue, e desse modo a vitoria surgirá naturalmente
Para finalizar, sugiro a todos que gostam e vivem verdadeiramente o futsal do Rio Ave que nos apoiem de uma forma coesa e maciça pois este plantel assim o merece.
Peço também que, evitem qualquer manifestação de desagrado com os atletas.
Canalizem todas as forças para os apoiar e dar-lhes carinho, pois ele são os “Artistas”, e todo o Bom “Artista” adora ser acarinhado. 
Não o façam por mim! Façam-no pelo futuro do Futsal do Rio Ave !!!
Amanhã todos ao Pavilhão!!!»

29.3.12

Raul Moreira ao Reis do Ave (2): «somos melhores»

Depois da questão sobre a existência ou não de algum cansaço, perguntámos a Raúl Moreira sobre os resultados com a FARLAB:

2) Não ganhámos ao Farlab; eles são melhores do que nós?
Raúl: A resposta para esta pergunta não podia ser outra: Claro que não são melhores! Poderia apenas e só dizer que não o são, para defender o meu grupo, mas os números gerais da época falam por si.
Até ao momento, nós somos melhores em tudo (pontos, diferença de golos, mais vitórias, mais golos marcados, menos sofridos, etc, etc…).

Quatro podem ser os Reis

Um destes quatro vai ganhar: Atsu, Tiago Pinto, Yazaldes e Tomás. Entre eles há 57 pontos de diferença. Imaginando uma média de 30 pontos por jogo, muitos mais poderiam ganhar, mas parece claro que - a menos que haja um terramoto - um deles será o terceiro Rei.
Uma curiosidade: o Rei do Ave é um prémio de regularidade por excelência; não admira que Tiago Pinto, sem ter vencido uma jornada, esteja bem colocado.

Raul Moreira ao Reis do Ave (1): cansaço é natural

Primeira de três respostas de Raúl Moreira ao Reis do Ave, a publicar entre hoje e amanhã:

1) Reis do Ave: A equipa está a acusar o final do campeonato? Cansaço?
Raúl.: Como é natural e evidente em todas as equipas, é natural que haja desgaste acumulado devido à fase adiantada da época em que nos encontramos.
No caso da nossa equipa, poderá ser um pouco mais acentuado devido à grande intensidade que colocamos no processo defensivo, na constante e intensa e procura da bola e também no versátil processo ofensivo (onde até à data sempre assumimos, em todos os jogos, as “despesas” do jogo).
Cansaço existe, como é evidente, nos atletas que fazem, ininterruptamente desde Setembro, 30 ou mais minutos por jogo. Mas nada de anormal e nada que não estivesse à espera. Quem trabalha seriamente e com rigor, é perfeitamente normal sentir-se cansado na recta final da época.

28.3.12

Rei do Ave: Tomás mais perto do pódio

Com a vitória nesta jornada, a 2ª da temporada, o Rei em título está agora mais próximo de Yazalde, 3º classificado. São 10 pontos que os separam.

No top 11 destaque apenas para a troca de posições entre Braga e Jeferson com o médio ofensivo a subir a 10º.

Classificação: degraus descendentes

Baixámos um lugar na classificação. Somos agora 11º, mas mantivemos os 6 pontos de vantagem sobre o 15º lugar.

Yazalde atingiu 4 amarelos

Quer isto dizer que ficou à bica da suspensão. Mais um e cumprirá castigo. Tiago Pinto que também foi amarelado contra o Guimarães, soma agora 6 amarelos.

Prejudicados em dois jogos (e os dois com o Guimarães)

Do Record de hoje:

Nós contra os outros

O jogo contra o Guimarães foi o 24º da Liga, 12 em casa e 12 fora.

Dos adversários que já defrontámos até agora, só contra o Beira-Mar conseguimos mais de metade dos pontos em disputa.

Dos 6 jogos que faltam, metade é contra adversários que estão na mesma zona da tabela classificativa, mas só um é em casa, o Feirense.

Futsal: o que temos feito até agora

Estão disputadas 20 jornadas; eis o que se pode dizer:
- melhor ataque;
- melhor defesa;
- equipa com mais vitórias;
- equipa com menos derrotas;
- única sem qualquer derrota em casa;

É pouco?
Confiram tudo aqui,

Diálogos imaginários 9


- já me começam a doer os braços e o segundo golo não aparece...
(fotomontagem AVL)
- era o que nos faltava; já não bastava o que escrevia, agora ainda tem a mania que tira fotos!

4º jogo com a mesma equipa

Foi a quarta partida seguida em que Brito usou o mesmo onze inicial. Nesses 4 jogos conseguimos 2 vitórias em casa e 2 derrotas, uma em casa e outra fora. Marcámos 7 golos e sofremos 2. Brito desta vez não fez as 3 substituições a que tinha direito. Mudanças para a Madeira?

Julinho responde ao Reis do Ave: «subir o quanto antes»


1) Que balanço faz desta época, do seu ponto de vista pessoal ?
Tem sido uma época com altos e baixos, mas ainda assim muito positiva.
2) Que análise faz do comportamento desportivo da equipa até ao momento?  
O comportamento da equipa é muito bom, pois estamos isolados no 1º lugar. Mas podíamos ter feito melhor em algumas situações.
3) Quais são as perspectivas desportivas até ao fim da época?  
Subir à 1º divisão o quanto antes, que é o maior objectivo, e depois ser campeão nacional.
4) Quais são as suas ambições desportivas no futsal (em termos de carreira)?
Ganhar títulos e representar um dia a selecção nacional.
(galeria do site)
Obrigado Julinho; prá semana haverá mais um jogador a responder.

27.3.12

Olha o que fizeste Tarantini!

Depois de Tarantini se queixar das arbitragens em dois jogos seguidos, eis que os árbitros retaliam e ameaçam parar na 26ª jornada!

Eu tenho por hábito não falar de arbitragem, mas ainda seria curiosa uma greve dos árbitros. O futebol português parece quase uma casa onde não há pão, todos ralham mas será que alguém tem razão?

Moral da história: cuidado com o que dizes Tarantini! As pessoas levam-te muito a sério!
foto AVL

O último jogo da época em Vila do Conde às quatro da tarde?

Vai ser sábado de Páscoa, dia 7, às 16h, frente ao Feirense.
Com uma vitória na Madeira, até se podia pensar em 'festa' no dia 7 (enchendo o estádio), mas da maneira que as coisas estão...

O fenómeno Hassan

Desejo sinceramente que os nossos dirigentes estejam a fazer tudo o que está ao nosso alcance para garantir Hassan na primeira equipa do Rio Ave na próxima época.
É fundamental que faça uma época na primeira equipa para se valorizar e valer os milhões que, acho, pode valer.
Enquanto isso, Hassan (acabado de fazer 19 anos) continua a fazer das suas na equipa de juniores.
Podem conhecer mais sobre o jogador aqui.
(reportagem dos Rioavistas no Leixões, 1 - Rio Ave, 6)

Pateiro regressa em pleno aos treinos

mas Rafa teve o azar de se lesionar num joelho e abandonou a sessão matinal.

Braga campeão, Rio Ave a perder?

Gostava muito que o Braga fosse campeão!
Seria um sinal para nós e para todos os clubes que sendo pequenos clubes não podem ser clubes pequenos!
A verdade é que o Braga campeão pode ser mau para a nossa bilheteira!

A equipa de futsal em 21 jornadas

O que nos mostra este grafico?
(clicar para aumentar)
Que começámos muito bem, que tivemos uma queda em três jornadas (duas derrotas e um empate) e que depois tivemos oito jornadas excelentes.
Nas últimas cinco, empatámos três e ganhámos duas, sendo que dois desses empates foram em casa (Piratas e Farlab) e outro quase (na Póvoa).
Parece que a equipa está a acusar um pouco o final do campeonato (a concorrência mais direta também anda irregular), mas os jogadores só têm de confiar nas suas capacidades; com o profissionalismo que têm demonstrado e a qualidade que têm os resultados aparecem!
Eu estou otimista!

O pontinho

Duas notas prévias sobre o jogo de domingo com o Guimarães:
- o Rio Ave não merecia ter perdido;
- a arbitragem prejudicou-nos;
Dito isto, gostava de voltar a questão que pode ter ficado esquecida pela valorização dos dois pontos anteriores: o Rio Ave jogou pouquinho e podia ter beneficiado do facto de o Vitória não ter jogado nada!.
Parecia que equipa estava preocupada em garantir um pontinho e por isso o empate servia.
Como o futebol já nos ensinou, quem joga para o empate está mais perto de perder.
E foi isso que aconteceu.
Uma segunda parte sem ânimo e sem chama.
Como em Leiria, afinal!
Tenho pena que assim seja.

PS - e por isso não percebo estas palavras de João Tomás, com quem estou quase sempre de acordo: «Queria dar os parabéns aos meus colegas, pois fizeram um trabalho extraordinário»

Tomás é o rei da semana, mesmo sem marcar

Tomás não precisou de marcar para ser o melhor da semana.
31 pontos para o Rei da época passada.
Seguem- se Tiago Pinto, com 30, e Vilas Boas, com 29
Depois aparecem três jogadores com 28 (Huanderson, Éder e Yazalde).
O titular menos pontuado foi Jean Sony, com apenas 19. Menos do que o suplente mais valorizado, que foi Braga (25).

Mais uma frase de Tarantini

Já tinha destacado a sua leitura em Leiria.
(em A Bola)
Domingo voltou a fazê-lo.

26.3.12

Diálogos imaginários 8

- se não marquei aquele, ia marcar este?
- E toma lá um amarelo, para não me virares a cara!

Futsal: as cinco finais que faltam

Sábado voltamos a jogar em casa, com o Mogadouro, uma das piores equipas (mas que tem vindo a melhorar). Obviamente só podemos vencer.
Depois ficam a faltar quatro jogos.
A deslocação à Guarda, para defrontar o Lameirinhas, pode ser uma final.
É que, depois, lá para meados de Abril, talvez possamos fazer a festa antecipada no jogo com o Cohaemato.
Estou muito otimista?
(È só para evitar ter de ir a Macedo de Cavaleiros para aí festejar a subida de divisão...)

Os três diários desportivos de acordo: penalti (ATUAL)

ATUALIZADO com estas imagens de António Venda Lopes:

Bola cortada na área com o braço = penalti!

Para mim não há dúvida: é penalti.
E as imagens não deixam margem para dúvidas:

Até podíamos falhar o penalti, até podiamos ter perdido por quatro ou cinco. Mas era penalti.
PS - dedico estas imagens ao nosso conterrâneo João Santos, auxiliar de Olegário Benquerença.

* o título do cabeçalho


Amigo Jéan Sony,

Não mereceste o azar que ontem te aconteceu. Estamos contigo! Levanta a cabeça!

Abraço!

A t-shirt - 6


«Abre os olhos Olegário!»


Um bom título, sem dúvida

«Sony fez assistência perfeita para o avançado errado»
(galeria de imagens do site)

Colombo & Zappa- 40


25.3.12

24ªj Guimarães - Só assim não daria 0-0

Assim como? Com uma falha defensiva. O jogo estava um nó atado de forma tão apertada que se não houvesse uma asneira ou um lance de sorte, não dava em nada. Aborreci-me a ver o jogo. Pareceu-me ser uma soma de nulidades, de equipas pouco ambiciosas, pouco criativas. Tocou-nos a fava. A nódoa caiu sobre Sony e ele nem merecia. E nós, que não temos a nossa época feita, fomos demasiado apáticos. Eu não vi o Guimarães ser melhor e merecer o tal título de favorito. Tem bons execuantes, mas isso também nós. O que nos faltou foi ousadia. E nisso Brito, a quem dou 1, tem muita culpa. Confiou em demasia e pareceu demasiado  acomodado.

Acreditem que estou com dificuldades a falar do jogo porque continuo aborrecido. E por aqui fico.

24ªj - Um a um contra o Guimarães

Huanderson: 3. Sofre um golo sem nada poder fazer.
Sony: 2. Aquela falha de comunicação com Éder foi fatal e foi pena, porque, concordo com o João Paulo, estava mesmo a ser o melhor.
Vila Boas: 3. Não lhe encontro falhas de maior. Razoável.
Éder: 3. Também está no lance do golo, mas sai "ilibado", a responsabilidade é de quem conduz a bola e faz o passe. Regular em tudo o resto.
Tiago Pinto: 3 Bem a defender, menos bem daí para a frente.
China: 1. Um jogo fracote.
Tarantini: 2. Para construir hoje não era dia. 
Vítor Gomes: 2. Eu gosto mais de ver o Vítor quando lhe pedem para ser médio de contenção do que a construir jogo. Ainda assim foi o melhor dos 3 médios.
Yazalde: 2. É pena que Yazalde acredite pouco em si mesmo e às vezes se esconda do jogo como hoje sucedeu algumas vezes.
Tomás: 3 Para mim o melhor. Foi pena aquele remate não ter entrado, porque pelo exemplo e pela entrega Tomás merecia.
Atsu: 2. Perante uma defesa tão fechada e compacta como a do Vitória, faltou alguma inspiração ao extremo. 
Braga: 1. Não veio trazer os desequilíbrios que a equipa precisava para vencer.
Anselmo: 1. Pouco ousado.

(24ªj Guimarães): Jogo fraco, resultado injusto

Mais um jogo que perdemos sem o merecer (e já vão quatro).
Até sofrermos o golo, numa oferta de Sony a Edgar, o Rio Ave estava a ser superior; e depois do golo ainda podia e devia ter empatado (bola à barra, por Tomás). O empate talvez fosse injusto, quanto mais a derrota.
Pelo caminho fica uma grande penalidade a nosso favor, ainda na primeira parte, que toda a gente viu, incluindo alguém na equipa de arbitragem, mas que não foi marcada [o jogador do VdG corta a bola dentro da área com o braço]!
Mas dito isto, convém acrescentar que foi um jogo fraco, com duas equipas como que interessadas no pontinho do empate e um Guimarães muito, muito abaixo do que se poderia esperar.
O nosso ascendente no jogo resultou mais do demérito alheio do que do facto de termos feito um bom jogo.
Não fizemos!
O nosso meio campo esteve desastrado e só espanta como Brito não mexeu mais cedo e como Tarantini fez os 90 minutos.
Embora esperasse mudanças na equipa, depois da derrota em Leiria, não critico o treinador por ter apostado no mesmo onze dos últimos três jogos; critico apenas por não ter tido a irreverência/ousadia de mudar quando se percebia que as coisas não estavam a resultar; Nota 2 para Brito.
PS - ASC reapareceu, mas não deu sorte!

(24ªj Guimarães) Um-a-um: de Sony a Braga

Huanderson: 2 (não fez uma defesa e sofreu um golo? Há dias assim, realmente! não tem culpa no golo)
Sony: 2 (estava a ser o melhor mas manchou a sua exibição com o passe para Edgar fazer o golo; que pena!)
Vila Boas: 2 (mais nervoso do que o habitual, esteve bem de cabeça e fraco com os pés; na primeira parte teve dois lapsos)
Éder: 3 (melhor na segunda do que na primeira; também teve um ou dois lapsos que podiam ter sido fatais)
Tiago Pinto: 3 (muito esforçado, muito trabalho pela frente, mas não será um jogo de que recordará boas imagens; no momento da decisão, quando foi ao ataque, optou quase sempre mal)
China: 1 (o jogador-invisível! Mas tão invisível que passou ao lado do jogo)
Tarantini: 1 (o pior jogo desde que chegou a Vila do Conde? Na verdade só acertou nos passes que eu próprio também não falharia; de resto oscilou entre o mau e o muito mau)
Vítor Gomes: 2 (mais interventivo do que em outros jogos, mas sem a clarividência de outros tempos; entre o azar e a desconcentração, pouco ou nada lhe saiu bem)
Yazalde: 2 (tentar, tentou; mas sem qualquer sucesso)
Tomás: 3 (merecia marcar, pelo lance genial que foi à barra mas também pelo que foi tentando; mas quando a bola não lhe chega é difícil fazer muito melhor)
Atsu: 2 (outro que tentou mudar mas sem sucesso; quase tudo lhe saiu mal)
Braga: 3 (é a gazua do meio campo, o abre-latas que nos faz falta; devia ter entrado mais cedo; o melhor em campo)
Anselmo: 1 (teve chances para fazer um pouco melhor, mas continua sem convencer)


Farlab, a nossa 'besta negra'

O Rio Ave vai terminar o campeonato nacional de futsal com o FARLAB de Gondomar atravessado!
É que, aconteça o que acontecer, só haverá uma equipa a que não conseguimos ganhar - o FARLAB, precisamente.
Na primeira volta perdemos (3-1), ontem empatámos.
Faltam cinco jogos para acabar o campeonato e a esses cinco adversários ganhámos na primeira volta.
Ou seja, nenhuma equipa conseguirá a performance desportiva do FARLAB frente ao Rio Ave (já agora uma palavra sobre esta equipa: já as vi quase todas e parece-me a melhor depois do Rio Ave, pelo que será justa a eventual subida de divisão).


Guimarães vem com marcações individuais?

Atsu será o alvo principal dessas marcações?

Brito e Sócrates

Carlos Brito surpreendeu no Record de ontem ao indicar Sócrates como o melhor jogador de sempre do futebol mundial.
Ou melhor, Brito recusou-se a responder à pergunta feita pelo jornal, que ouviu os treinadores das três primeiras divisões portuguesas.
O Record recolheu 79 respostas mais a de Brito, que disse: «não consigo eleger o melhor de sempre, é uma pergunta muito redutora».
Mas como acrescentou «destaco o Sócrates, porque me ficou na retina o seu desempenho no Mundial de 82», o jornal, considerou um voto para Sócrates.

(por curiosidade: Maradona ganhou com 35 votos, seguiu-se Messi com 14, Eusébio com 9, Pelé e Ronaldo com 7 votos; Zidane com 3, Cruyff com 2 e Figo, Garrincha e Sócrates com 1).

Brito, Coentrão e os jogos das camadas jovens

No Record de ontem, a propósito da escolha de Fábio Coentrão como um dos 100 melhores jogadores do futebol português:
(clicar para aumentar)

24.3.12

Guimarães amanhã: Jorginho regressa

Brito tem 19 em estágio para amanhã:
Guarda-redes: Huanderson e Paulo Santos
Defesas: Gaspar, Jean Sony, Tiago Pinto, Zé Gomes e Éder Monteiro.
Médios: Tarantini, Vitor Gomes, Braga, Bruno China, André Vilas Boas e Jorginho.
Avançados: Kelvin, João Tomás, Mendes, Christian Atsu, Anselmo e Yazalde

Notas:
- sem Wires, Pateiro e Faria (departamento médico), sobram três;
- Rafa e André Dias já são habituais; a estes junta-se Jeferson que ainda não está em forma, depois de longa paragem; 

Futsal: empate a um golo (ATUAL)

Primeira nota: o Rio Ave desiludiu mas lutou até ao fim, até cair!
Se há coisa que não se pode dizer destes jogadores é que não lutam, que não dão o máximo.
Hoje foi isso que aconteceu, mas não chegou.
Até podíamos ter perdido, já que, na segunda parte, Alex esteve decisivo, enquanto o guarda-redes do FARLAB não fez uma grande defesa.
Na segunda parte fomos muito abaixo com a expulsão de Camarão, que estava a ser dos melhores. Não só sofremos o empate com menos um jogador como nunca mais conseguimos recuperar a liderança do jogo que até então tivemos.
O FARLAB jogou bem e, como disse, podia ter ganho.
O empate é, neste contexto, um resultado positivo.
Isso não impede que os mais de 300 adeptos que deram um bom colorido ao Pavilhão não tenham saído desiludidos. Obviamente que se esperava mais.
Se o Macedense amanhã ganhar aos poveiros ficaremos com dois pontos de vantagem no primeiro lugar.
ATUAL: Como o Macedense perdeu em casa com os poveiros, há três equipas empatadas no segundo lugar com 41 pontos. Cinco pontos de vantagem, que dão alguma 'segurança'. Mas por este andar vai ser sofrer até ao fim!
Que sejamos felizes no final!

Juniores esmagam Leixões (6-1); super-Hassan!

Sensacional vitória dos juniores em Matosinhos, por 6-1.
Hassan (4 golos) e Igor (2) acabaram com o Leixões, que liderava o grupo de manutenção.
Agora o Rio Ave tem 25 pontos e, fruto dos vários resultados (que nos foram todos favoráveis), saiu da zona de desconforto.
Como eu escrevia ontem, Alá esteve com Hassan e Hassan esteve fora-de-série!

Para recordar a "injustiça" da 1ª volta

Aquele roubo, melhor dizendo!
Espero que motive os nossos jogadores.

23.3.12

Ir a Leça da Palmeira ganhar amanhã

Os juniores jogam amanhã às 15h em Leça da Palmeira (aquele campo que se vê da A28, na zona do NorteShopping Mar Shopping), frente ao Leixões.
O Leixões tem 25 pontos, o Rio Ave 22.
É muito importante pontuar!
Força Hassan e companhia
قوة حسن رضي الله تلهمك لاظهار عظيم!

A mobilização

Acabo de ser surpreendido pela voz de Paulo Vidal a sair de potentes altifalantes. Anda um carro (ou carrinha,   não consegui ver) pelas ruas de Vila do Conde a mobilizar a população para assistir ao jogo de futsal de amanhã contra o Farlab. A dinâmica está à vista! Fala o Paulo e toca o hino:

"Queremos louvar as tuas glórias, neste rincão de encantar..."

Programa CORE

Ontem demos conta da nomeação dos árbitros para os jogos deste fim de semana.

Por distracção minha não referi que o árbitro que nos apitou na Marinha Grande e que terá mostrado dois amarelos a Anselmo sem o expulsar, não está entre os nomeados. E porquê? Porque como se lia na nota da FPF, Rui Silva participa no programa CORE. O programa decorre de 20 a 29 de Março. O CORE é o "UEFA Centre of Refereeing Excellence, um curso para talentos, onde estão árbitros e árbitros assistentes de alguns países europeus que podem no futuro chegar ao Top da arbitragem Europeia sob o lema" aprender a trabalhar para chegar à excelência". 
Que faça bom proveito! Parece que precisa! A participação será só coincidência?

ASC no treino de hoje

Recuperado!

Repetição de uma ideia

Disse Brito na conferência de imprensa de hoje que "o importante é somarmos pontos". Concordo. "Mais vale somar que sumir".

Mas se somarmos isto à atribuição do favoritismo ao adversário de domingo, já fico a pensar que é pouca ambição do treinador. Ele não concordará comigo, estou certo disso, e até poderá afirmar que é o realismo dele contra a minha ambição de adepto. Mas em casa contra o Guimarães destes dias eu acho que somos favoritos. Mas admito que o discurso do treinador para os jogadores seja bem distinto e isto não seja mais que atirar areia aos olhos do opositor e retirar pressão à sua equipa. Vencer domingo dará 27 pontos ao Rio Ave, algo que para José Mota até pode bastar para a manutenção.

Gaspar e os bloqueios

Gaspar falou à Antena 1 e o Record reproduz as suas palavras. E falou de uma questão que não envolve directa e presentemente o Rio Ave: os bloqueios que têm sido o mais recente tema de discussão entre Porto e Benfica.

Como não consegui ouvir as declarações de Gaspar, espero que a rádio paga pelos nossos impostos rioavistas lhe tenha feito perguntas sobre o Rio Ave Futebol Clube.

Um elogio ao Gil Vicente

Como nós, rioavistas, gostaríamos de estar na pele dos nossos amigos de Barcelos!
Um campeonato na Liga (sobretudo, boas exibições) e agora a final da Taça da Liga.
Não é inveja, é admiração.
E também pena.
Porque não vejo que o Gil Vicente tenha mais do que nós.
Ou seja, podiamos ser nós.
Mas não somos, infelizmente.

Maboang, recordam-se?

Eu tinha uma vaga ideia.
Também por isso agradecemos a lembrança do nosso leitor Rui Manuel, que nos mandou a estatística de uma das épocas em que Maboang (conhecido como Pele) jogou em Vila do Conde [1992/93, 1993/94 e parte da época de 1994/95] e a sua foto.
O curioso é que foi dos mais utilizados


Júlio Alves: um caso

Podia ter sido pior?
A época de Júlio Alves no Besiktas cifra-se em trinta minutos jogados até agora.
Participou em cinco jogos (entre Liga Europa e Liga Turca), sempre como suplente e o mais cedo que entrou foi aos 77 minutos.
Penso que se pode dizer que é muito pouco para quem custou tanto dinheiro.

22.3.12

Olegário Benquerença apita no domingo

O árbitro de Leiria foi o nomeado para a recepção ao Guimarães este final de semana.

Carlos Xistra, o apitador do jogo de má memória da 1ª volta, vai apitar um jogo da Orangina.

(Paixão, o árbitro da moda, está de folga até dia 25.)

O que nos deram até agora os nossos reforços


Reforços Presenças Minutos Golos
Atsu 24 1795 4
Huanderson 17 1515 -21
Jean Sony 15 1250 0
Kelvin 22 1229 2
André Vilas Boas 8 635 0
Pateiro 14 448 1
Jorginho 9 341 0
Dinei 5 104 0
Fábio Faria 1 90 0
Anselmo 5 68 0
Rafa 1 45 0
Tiago Costa 1 31 0
Rafinha 1 9 0
Marcelo 0 0 0
Gilmar 0 0 0

Wires já tirou os pontos

Ou melhor, retiraram-lhe os pontos da cirurgia que fez para corrigir a fratura e a rotura que fez recentemente.
(se nos retirassem os pontos que ele ajudou a conquistar seria quase trágico, são 18...)

Pateiro voltou a falhar o treino da manhã por causa de um traumatismo no joelho esquerdo.

E já que estamos a falar de números

falemos dos números das 3 competições em que participamos. 

- Jogador mais utilizado: Tiago Pinto, 2069 minutos;
- Jogadores com mais jogos: Atsu e Tomás, 24;
- Melhor marcador: Tomás, 13 golos, o equivalente a cerca de 40% de todos os golos (33);
- Jogador com mais cartões: Sony, 4 amarelos, 2 duplos amarelos, 2 vermelhos;
- 28 jogos, 15 derrotas, 8 vitórias, 5 empates. 84 pontos possíveis, 29 conquistados, 34,52% do total;
- 33 golos marcados, 36 sofridos;
- Jogador mais vezes substituído: Atsu, 12 vezes;
- Suplente mais vezes utilizado: Braga, 15 vezes.


Também a propósito de Huanderson

Comparando o "Muralha" com Paulo Santos na Liga:

(Huanderson vs Paulo Santos)
Jogos: 16 vs 7
Minutos: 1395 vs 630
Golos sofridos: 19 vs 9
Média de golos por jogo: 1.19 vs 1.29
Média de minutos entre golos sofridos: 73.42 vs 70

Huanderson: 13 jogos seguidos

Huanderson pegou de estaca.
De tal maneira que é o jogador com mais jogos consecutivos e completos.
13 jogos para Huanderson.
Jean Sony aparece em segundo, com 9 jogos.

Coincidência: são os dois reforços, juntamente com Atsu, que estão a fazer a diferença; de outros não se pode dizer a mesma coisa.

Futsal: uma enchente sábado

Aplaudo a proposta da Direcção de criar uma forte dinâmica para o jogo de sábado no Pavilhão.
É um jogo que pode decidir (não matematicamente, claro) muita coisa.
Ganhando a subida de divisão fica muito mais próxima.
Eu lá estarei.
Traz outro rioavista também!

Faltam, com esta, seis jornadas.
Temos quatro jogos em casa (Farlab, Mogadouro, Cohaemato e EPBraga) e dois fora (Lameirinhas e Macedense).
O jogo com o Macedense não será fácil, mas tudo já estará resolvido nessa altura, acredito.
Por isso, o jogo com o Farlab é o mais difícil que temos!

21.3.12

E quando parecia dar um arzinho de sua graça,

"Ricardo Pateiro não integrou as duas sessões hoje realizadas no âmbito da preparação da receção ao Vitória de Guimarães. O médio apresenta um traumatismo no joelho esquerdo, tendo por isso cumprido apenas tratamento."

Pateiro esta época já falhou 6 jogos por lesão.

Ir à Madeira ou ouvir na Linear

O Nacional-Rio Ave é dia 1 de Abril, às 16h.

Ivo responde ao Reis do Ave: em busca do título

Mais um elemento da equipa de futsal responde ao questionário do Reis do Ave; desta vez é Ivo Mestiço.

1) Que balanço faz desta época, do seu ponto de vista pessoal ?No cômputo geral, considero que tem sido positivo mas, como em tudo na vida, penso que podia ter feito mais e melhor.
2) Que análise faz do comportamento desportivo da equipa até ao momento? 
O comportamento da equipa equipara-se ao meu, podíamos ter feito mais e melhor em determinados momentos. Contudo, considero que tem sido bom até ao momento, o muito bom seria se já tivéssemos alcançado a subida.
3) Quais são as perspectivas desportivas até ao fim da época? Alcançar a subida o mais rápido possível, ser campeão e ter uma boa performance.
4) Quais são as suas ambições desportivas no futsal (em termos de carreira)?Prolongar ao máximo a minha carreira, o meu vínculo com o Rio Ave e, se possível, com um título já este ano.
Na liga universitária obter mais títulos será também um objetivo.
Obrigado Ivo; prá semana há mais

Ainda o lapso do árbitro de Leiria

Em complemento a isto, registo e concordo com o que foi dito ontem no 12º Jogador; até para termos legitimidade para protestar no futuro, não devíamos ter assinado o relatório do árbitro (o que é diferente de crucificar publicamente o árbitro, que não era necessário)

Sócios voltam a poder levar dois acompanhantes

A notícia de mais esta promoção é avançada hoje no site oficial. Juntando a isto os preços convidativos para os adeptos do Guimarães, 10 euros na bancada nascente, tudo se conjuga para termos as bancadas bem compostas. A hora não é tão convidativa como foi com o Setúbal, mas acredito que voltaremos a ter uma boa casa.
Contra o Setúbal foi assim

Vamos apanhar um Vitória de Guimarães fragilizado pelos ordenados em atraso?

Vamos conseguir tirar partido disso desportivamente?
Inicialmente era na passada segunda-feira que receberiam, agora é dia 31. Até se falava em greve. «Nesta altura, o plantel caminha para o quarto mês sem vencimentos»

Bruno Paixão: para memória futura

E sem comentários

(no JN de hoje)

20.3.12

Vilas Boas fica com o castigo; Vítor Gomes não

A Liga fechou os olhos à falha de Rui Silva e manteve o amarelo para Vilas Boas; Anselmo escapa impune; e Vítor Gomes, como se esperava, não tem amarelo nenhum!

Atsu firme na liderança

do Rei do Ave, agora com um número redondo, 600 pontos.

Não houve entradas nem saídas entre os 11 melhores. Wires e Jeferson estão em queda. Fruto da lesão e ausência do médio, Yazalde subiu ao 3º lugar. O vencedor desta semana venceu pela 2ª vez e pela mesma pontuação da vitória anterior, 29 pontos. Sony teve algumas dificuldades de afirmação quando chegou a Vila do Conde, só agarrou a titularidade à 15 ª jornada, mas agora pouco a pouco tem vindo a aproximar-se dos 11 melhores.